A Barraca da Carbonária

A Maçonaria Florestal:História, Informação e Debate.

6.5.06

BENFORMOSO

Foto FM

"Lá está a Bandeira, pintada na cal gasta de uma parede que já ouviu conspirações e mil anseios. É no Centro Republicano Almirante Reis, na Rua do Benformoso, à Mouraria.
Da Avenida Almirante Reis muitos terão ouvido falar. Do Carlos Cândido dos Reis, que lhe deu o nome, talvez menos.Aqui fica uma síntese:

"Oficial da Marinha,reformou-se em 1909, como vice-almirante. Republicano convicto,carbonário e maçon, esteve na primeira linha da preparação do 5 de Outubro de 1910. Esteve na revolta falhada de 28 de Janeiro de 1908 contra a monarquia e, no dia 4 de Outubro de 1910, informado de que a Revolução iria falhar e já não veria um Portugal republicano, suicidou-se."

Da Rua do Benformoso, restam outras memórias, como a da iniciação na Carbonária Portuguesa do "herói da Rotunda", Machado Santos, também carbonário e maçon:
«Voltando no navio a Lisboa, em Junho, o primeiro camarada a quem procuro é Luz de Almeida.(…)
Numa noite, conduz-me à Rua do Benformoso, depois de me obrigar a dar várias voltas, conseguindo perceber que no caminho trocava sinais, quase imperceptíveis, com vários indivíduos estrategicamente postados. Depois de me demorar uma boa meia hora, numa casa de espera, conduz-me, vendado, à sala onde se ia proceder à minha iniciação; ali se consumou o acto, parece que a contento de todos os mascarados.
Terminada a cerimónia, fui evasivamente abraçado por todos os presentes, sendo grande o meu desapontamento por não ficar conhecendo nenhum.»

Luz de Almeida, a que Machado Santos se refere, era o grão-mestre da Carbonária Portuguesa ('Venda Jovem Portugal')e Venerável da loja maçónica Montanha."
(in http://sopadenabos.blogspot.com )

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home